Saiba como uma avaliação de imóveis é feita

Saiba como uma avaliação de imóveis é feita

A avaliação de imóveis é um dispositivo essencial para a compra e venda desses bens. De forma simples, ela serve para definir um valor justo para a propriedade, de acordo com algumas características.

Essa etapa costuma ser feita por um avaliador de imóveis, que tem capacitação específica. No entanto, mesmo os proprietários e os compradores podem fazer uma análise para ter uma base do preço e para que possam comparar.

A seguir, descubra como uma avaliação de imóveis funciona e conheça quais são os seus aspectos de destaque.

O levantamento dos principais fatores forma uma base importante

Logo no começo, é necessário considerar todos os aspectos relevantes e que interferem no preço de um bem. 

Dependendo dessas características, um imóvel poderá ter uma avaliação melhor e, assim, custar mais. Veja quais são os principais pontos!

Localização

A localização é uma qualidade que não pode ser alterada e, por isso, interfere bastante no preço. 

São analisadas questões como facilidade de acesso, estrutura da região, vizinha, perspectivas de desenvolvimento e até valores de outras propriedades no entorno.

Tamanho

As dimensões também afetam a avaliação de imóveis. Basicamente, espaços maiores valem mais, já que o preço é definido por metro quadrado. 

Para casas e galpões, há a consideração da área construída e do espaço total.

Estrutura

Quanto mais qualidades o imóvel tiver, maior será o seu preço. Um apartamento em um prédio com muitas comodidades, por exemplo, terá um valor de venda maior que uma unidade simples. São considerados fatores internos e externos ao bem.

Idade

Como imóveis mais velhos costumam ser problemáticos, a idade pesa na avaliação. Em geral, os bens mais novos têm um desempenho melhor quanto ao preço.

A inspeção é essencial para a avaliação de imóveis

Para obter resultados que realmente correspondam à realidade, é indispensável fazer uma inspeção do local. A partir disso, é possível identificar as condições reais de conservação e quais são os pontos de atenção.

A partir dessa consideração e dos demais fatores, pode-se elaborar uma avaliação de imóveis robusta e completa. Assim, há uma noção clara de quanto o imóvel realmente vale, dada as suas condições atuais.

No geral, resultados melhores quanto à inspeção levam a um preço maior. Já problemas estruturais ou mesmo questões estéticas podem fazer com que o valor de uma possível venda seja menor.

A elaboração de um laudo corresponde à etapa final

Para finalizar a avaliação de imóveis, o perito avaliador deve elaborar um laudo completo, com todas as informações utilizadas e com as conclusões referentes aos valores.

O laudo serve como um documento de comprovação e que pode, inclusive, ser contestado para negociar, por exemplo. Assim, é importante que esse elemento esteja presente em uma avaliação “oficial”, pois aumenta a segurança para todas as partes.

A avaliação de imóveis é essencial para a venda e até para a atualização patrimonial em relação aos bens. 

Com base em critérios específicos e com um processo estruturado, apresenta o valor de mercado que é considerado justo para o bem e, portanto, tem grande importância no setor.

Se quiser ficar por dentro das novidades e das ofertas de imóveis, curta a nossa página no Facebook e não perca nada!

 

Adicionar um comentário


Cadastre-se na Newsletter
X

Receba nossos conteúdos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.